10 de janeiro de 2016


PARA QUEM DESEJA TER SEGURANÇA...
Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o qual nos abençoou com todas as bênçãos espirituais nas regiões celestes em Cristo; como também nos elegeu Nele antes da fundação do mundo; e fez isto com o propósito de sermos santos e irrepreensíveis diante Dele; e em amor nos preestabeleceu para sermos filhos de adoção por Jesus Cristo, para si mesmo, segundo a bondosa soberania de Sua vontade. Sim, Ele fez isto para o louvor da glória da Sua Graça, a qual Ele nos deu gratuitamente no Amado. Nele temos a redenção, pelo seu sangue; a remissão dos nossos delitos, conforme as infindáveis riquezas da sua Graça, que Ele fez abundar para conosco em toda a sabedoria e prudência, fazendo-nos conhecer o mistério da Sua vontade, segundo bondosa soberania de Sua vontade, que foi a de fazer com que em Cristo, na dispensação da plenitude dos tempos, convergissem todas as coisas—tanto as realidades eternas.

E assim se fez Nele; digo, em Quem fomos feitos herança de Deus, havendo sido predestinados conforme o propósito Daquele que faz todas as coisas segundo o conselho da sua vontade. Sim! Ele assim o fez com o fim de sermos para o louvor da Sua glória, nós, os que de antemão cremos em Cristo.

Nele também todos nós, tendo ouvido a Palavra da Verdade, o Evangelho da Salvação, e tendo nele também crido, fomos selados com o Espírito Santo da promessa, o qual é o penhor da nossa herança, para redenção da possessão de Deus: nós! para o louvor da sua glória!

Por isso também eu, tendo ouvido falar da fé que entre vocês há no Senhor Jesus; e também tendo ouvido acerca do amor de vocês para com todos os irmãos na esperança, não cesso de dar graças a Deus por cada um de vocês, lembrando-me de todos nas minhas orações, pedindo que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai da glória, nos dê o espírito de sabedoria e de revelação no pleno conhecimento de Quem Ele é. Portanto, peço a Ele que sejam iluminados os olhos do coração de cada um, para que cada pessoal saiba qual seja a esperança da sua vocação, e quais as riquezas da glória da herança que para nós existe Nele; e também desejo que todos saibam qual é a suprema grandeza do Seu poder para conosco, os que cremos, segundo a operação da força do seu poder; poder esse que já nos foi qualificado, pois foi por meio dele que Cristo ressuscitou dentre os mortos, e assentou-se à sua direita do Todo-Poderoso, muito acima de todo principado, e autoridade, e poder, e domínio, e de todo nome do qual se possa fazer menção, não só nesta dimensão, na História; mas também em qualquer outra dimensão, tempo o era.

Ora, o poder de Deus sujeitou todas as coisas debaixo dos pés de Jesus; e para ser Cabeça sobre todas as coisas Ele estabeleceu a Sua Igreja, que é o seu Corpo, a plenitude no tempo, Daquele que enche tudo em todas as coisas. (Caio Fabio - A Mente de Paulo)